<

À La Garçonne: Desfile transforma lingerie em roupa

O desfile À La Garçonne que aconteceu no Masp ontem, 13/08, conta com várias peças que já chegam nas lojas – inclusive em lojas espalhadas pelo país. São parcerias que bombam, tipo a com a Hering (15 modelos, a maioria de camiseta mas também tem moletom, bermuda e calça, fora a linha passarela que só é encontrada com exclusividade na À La Garçonne e em multimarcas selecionadas) e a nova com a Melissa (é a primeira colab entre as duas, sendo que o estilista Alexandre Herchcovitch já colaborou algumas vezes com a Melissa na época da sua marca homônima). 

Os filmes de terror clássicos e cult, como "Frankesntein" e "Múmia", o universo underground dos anos 90 e 2000 (especialmente o das pistas de dança) e a descontrução de todos os tipos de lingerie -- do básico ao fetiche -- foram as tônicas do desfile da À La Garçonne, marca sob direção criativa de um dos grandes desginers da moda brasileira, Alexandre Herchcovitch
As lingeries em todos os estilos, os filmes de terror e o universo das culturas underground noturnas -- dark, punk, rock, clubber – foram os pontos de partida do desfile da grife à La Garçonne.